ARQUIDIOCESE
de Pouso Alegre

CrismaFest é celebrado pela Arquidiocese em Pouso Alegre - por Pe. Andrey Nicioli


Cerca de 1600 jovens que irão receber o sacramento da Crisma neste ano nas paróquias da Arquidiocese de Pouso Alegre estiveram reunidos durante este domingo, dia 20, em Pouso Alegre, durante o 4º CrismaFest. Foi um encontro de muita oração, alegria e reflexão sobre a missão que esses jovens vão assumir. O encontro ocorreu no Poliesportivo do Colègio São José, em Pouso Alegre. 

O encontro, organizado pela Pastoral Bíblico-Catequética, teve início às 08h30, com o café. Depois de um pouco de música e dança, todos entraram em clima de oração. O setor pastoral pastoral mantiqueira fez uma pequena apresentação, ajudando os jovens a refletirem sobre o tema ("Jovens: alegres na esperança e perseverantes na oração") e lema ("A esperança não decepciona porque o amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado" - Rm 5,5). 

Momento importante e de silêncio respeitado pelos crismandos foi a adoração e bênção com o Santíssimo Sacramento. Após o almoço, às 14h30, os jovens saíram em procissão até a Catedral Metropolitana, onde participaram da Santa Missa, presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom José Luiz Majella Delgado - C.Ss.R.

Em sua homilia, o arcebispo ressaltou que devemos ser hospitaleiros do Espírito Santo, com sua ação de renovação e vida nova. Essa experiência leva a todos a seguirem um caminho, uma verdade, transformando a realidade. 

"A ação do Espírito Santo vem unificar a Igreja para que seja uma Igreja em comunhão, que viva os vários ministérios e carismas dentro da Igreja, para que seja uma Igreja decomunhão. Não é o que nos estamos vivendo aqui? a beleza dessa catedral na tarde de hoje toca no coração de Deus, porquê aqui estamos espelhando a comunhão da arquidiocese de Pouso Alegre. São as várias comunidades que você representa, são as nossas paróquias que se unem para viver essa experiência do CrismaFest, eis a ação do Espírito. Queremos agradecer, ser uma Igreja em comunhão. Uma Igreja que tem a diversidade dos ministérios, mas estamos unidos em Cristo Jesus, que é o nosso centro", refletiu. 

Leia a homilia na íntegra:

"Pentecostes é a ação do Espírito Santo. Na Primeira Leitura e Evangelho que ouvimos, escutamos a beleza do acontecimento de Pentecostes na comunidade cristã. Na Primeira Leitura, no livro dos Atos dos Apóstoslos, vamos encontrar o grupo dos Apóstolos reunido em uma sala em oração, com a presença de Maria, a Mãe de Jesus. O Espírito vai vir sobre este grupo em forma de língua de fogo, fogo que arrasa, que devora, que aquece. E esse Espírito vai provocar nesse grupo um grande impulso, vai se tornar o grupo do testemunho do Ressuscitado. A partir deste momento, eles vão sair, vão pegar o rumo, o camino para testemunhar Jesus. São tão impulsionados por esse acontecimento que eles abraçam este momento como momento de uma grande missão e ouvimos como foi bela essa missão. Todos se entendiam. É essa experiência que a ação do Espírito provoca em nós, hoje, crismandos 2018. Provoca essa certeza: a missão que o Espírito nos dá é testemunhar Jesus Cristo. Esta é a missão: precisamos nos colocar a caminho. Você vai percebendo que toda a catequese da Crisma vem fortalecer você para continuar o caminho. A catequese da Crisma não é para diplomar você, mas para colocar você com mais segurança nesse rumo, nesse caminho, testemunhando Jesus Cristo. E você jovem, testemunhando Jesus Cristo, é como fogo que vai tomando conta dessa nossa sociedade marcada por tanta traição, mentira edesamor. A ação do Espírito vai conduzir você a testemunhar Jesus no mundo de hoje. 

A experiência do Evangelho nos mostra a ação do Espírito que vem do Cristo ressuscitado. Encontramos o grupo do Ressuscitado também numa sala, porém, com as portas fechadas e com medo. Eis uma comunidade insegura, temerosa. Mas Jesus vai se colocar no meio do grupo, vai lhes dar a paz e soprar o Espírito Santo. E logo em seguida, Jesus disse que os pecados daqueles que vocês perdoarem serão perdoados. A ação do Espírito Santo nessa comunidade de João traz uma certeza: a comunidade precisa se reunir ao redor de Jesus. Jesus é o centro, e a comunidade que tem Jesus como centro e cheia do Espírito Santo é a comunidade que vive a misericórdia, é a comunidade que perdoa. Eis a ação do Espírito Santo sobre nós, para ser uma Igreja que perdoa, para ser misericordiosa. A ação do Espírito Santo vem unificar a Igreja para que seja uma Igreja em comunhão, que viva os vários ministérios e carismas dentro da Igreja, para que seja uma Igreja de comunhão. Não é o que nos estamos vivendo aqui? a beleza dessa catedral na tarde de hoje toca no coração de Deus, porquê aqui estamos espelhando a comunhão da arquidiocese de Pouso Alegre. São as várias comunidades que você representa, são as nossas paróquias que se unem para viver essa experiência do CrismaFest, eis a ação do Espírito. Queremos agradecer, ser uma Igreja em comunhão. Uma Igreja que tem a diversidade dos ministérios, mas estamos unidos em Cristo Jesus, que é o nosso centro. 

Querido jovem, a alegria do Espírito Santo em nossa vida hoje é para nos conduzir à missão. O Espírito Santo vem nos impulsionar para que possamos tirar de dentro do nosso coração o medo, a insegurança, a vergonha. Como você se sentiu na rua, seguindo o trio elétrico? Você se sentiu que estava realmente testemunhando Jesus Cristo? O Espírito Santo vem sobre nós, hoje, para que possamos tirar a vergonha de dizer que sou um jovem católico, um jovem cristão. Tirar a vergonha de testemunhar que Jesus é meu amor, que é minha vida, que é o caminho que faço para chegar ate Deus, que é nossa meta. A ação do Espírito Santo nesse dia de hoje, vem nos conduzir a essa missão. Tenhamos coragem, disposição. Não tememos porquê o Cristo ressuscitado disse aos seus discipulos: 'eu volto para o Pai, mas enviarei a vocês o Espírito Santo', o Defensor, o grande Dom de Deus.

Que possamos retornar para nossas casas, para nosso dia a dia, para nosso trabalho, para nossa vida familiar,  vida que talvez tenha muitas ausências, muitas indiferenças, mas é a nossa casa, é a sua casa, é o seu lar, é ali que você precisa ser presença, precisa abraçar. Você pode dizer: 'não e o paraíso!' Não é o paraiso mesmo, mas é lá na sua casa que você, ao retornar hoje, vai levar uma vida nova, vai levar essa presença do Espírito Santo com uma certeza: eu faço um caminho. Por mais difícil que seja a resistência em minha casa, eu trago a esperança para esta casa. E a razão da sua esperança é Jesus Cristo. Retorne para o seu dia a dia com essa esperança: fomos reconciliados pelo Senhor, vivemos em meio a conflitos e inseguranças, mas quem segue Jesus rompe o medo, vence os temores, vence as tribulações do dia a dia. 

Que você entre na sua casa, no seu mundo com essa certeza: eu sigo Jesus. Por isso eu vencerei o medo, as tribulações, os conflitos, porque eu estou com Jesus. Ele é meu Deus. Meu querido jovem, o nosso CrismaFest está se encerrando com esta Celebração. Acontece que nesse mês de maio, mês que olhamos para Maria de uma forma filial mas também mais intensa da sua intercessão. Maria foi aquela que disse 'sim' ao Espírito de Deus, acolheu o Espírito de Deus em sua vida. O Espírito de Deus foi o grande hóspede do coração de Maria. Que neste mês de maio possamos olhar para Maria como a hospitaleira do Espírito Santo e que ele venha ser também em nosso coração o grande hóspede com sua ação de renovação e vida nova. Amém!"

 

Publicado no dia 21/05/2018